Pobre não tem sorte

.
Esse é um post triplo. Primeiro, a resenha de Pobre não tem sorte. Em seguida, uma super entrevista com sua autora, Leila Rego. Por fim, a primeira promoção do Diário de Leituras.

.

Livro: Pobre Não Tem Sorte

Autor: Leila Rego

Editora: All Print

Ano: 2009



.
.
Antes de ler o livro, uma das coisas que mais me interessou nele foi o fato de ser produto nosso, já que sua simpática autora é brasileira e eu valorizo muito a cultura nacional. Às vezes temos a tendência de supervalorizar autores estrangeiros, quando temos ótimos escritores no nosso próprio país.

A personagem principal, Mariana, é uma patricinha que só pensa em grifes. É ao mesmo tempo especial e comum, por isso qualquer uma de nós pode se identificar facilmente com ela. O ponto em que sou muito diferente dela é a futilidade, talvez sua principal característica. Não sou nada fútil, nem um pouco perua. Vaidosa, sim, mas “com moderação”. Além disso, ela se importa exageradamente com opiniões alheias, enquanto eu não estou nem aí pro que vão pensar de mim.

Bom, a história começa no dia do idealizado casamento da protagonista, quando seu noivo decide que não devem se casar agora, pois ele tem dúvidas, não sabe se é isso que quer para sua vida. A partir desse acontecimento, que cai como uma bomba nos sonhos de Mari, a história se desenvolve.

Um livro bem mulherzinha cheio de pitadas de humor. Recomendo para quem não perde uma chick-lit!


 
Entrevistando o Autor


Diário de Leituras: De onde você é e qual a sua formação?
Leila Rego: Nasci no Paraná, mas fui criada no Mato Grosso. Atualmente moro no interior de São Paulo. Sou Bacharel em Turismo.

DL: Desde quando você escreve?
LR: Escrever seriamente, como fiz em Pobre Não Tem Sorte, tem pouco tempo. Uns 4 anos, talvez. Sempre gostei de escrever. Na adolescência fazia agendas, adorava redação, escrever poesias, etc.

DL: Como surgiu a idéia para o livro "Pobre não tem sorte"?
LR: Quando escrevi os primeiros rascunhos de PNTS eu nem sonhava que um dia ele se tornaria um livro. Na época comecei a escrever para me distrair e diria até que era uma forma de terapia, pois atravessava uma fase bastante difícil. Bem mais tarde é que fui levar o livro a sério.

DL: Você se identifica com algum dos seus personagens? Eles são inspirados em alguém ou são totalmente inventados? Você conhece alguém como a Mariana?
LR: Não me identifico com nenhum deles, mas conheço pessoalmente quase todos (rsrsrs). Criei os personagens com uma mistura muito grande de pessoas que conheci, que vi de perto sem conhecer muito, de quem ouvi descrições, e por aí vai. E, claro, muita imaginação também.

DL: Como é o seu processo de escrever? Imagino que com filhos pequenos isso seja um tanto difícil, mas você tem um horário ou local certo para isso?
LR: Não tenho uma rotina regrada. Eu escrevo quando sobra uma brecha, mas principalmente quando estou inspirada. Já aconteceu de estar sozinha em casa, de frente para o computador e não sair nem meia linha. À noite é que surgem as melhores idéias. Se não tenho o computador por perto, anoto para depois aplicá-las no contexto.

DL: Quais você acredita serem seus pontos fortes e pontos fracos em relação à escrita?
LR: Nunca fiz curso de escrita, nem me preparei para isso. Simplesmente aconteceu e segui com meu objetivo. Preciso ler mais livros de gêneros que não tenho o hábito de ler, preciso também estudar mais a gramática para estar com o Português sempre afiado... O ponto forte é a criatividade e a força de vontade para terminar o que começo e realizar meus sonhos.

DL: O que você está lendo no momento?
LR: Estou lendo 1808, de Laurentino Gomes

DL: Qual é seu autor e livro favoritos?
LR: Adoro Marian Keyes e Sophie Kinsella. No gênero “Chick Lit”, para mim, elas são as melhores. Livros favoritos: toda a série Harry Potter e A irmã de Becky Bloom.

DL: O que gosta de fazer nas horas de lazer?
LR: Sair com minha família para curtir um dia ensolarado aqui no condomínio onde moro, ir ao cinema com o maridão, bater papo com minhas amigas...

DL: Que conselhos você daria para quem quer escrever um livro?
LR: Para aqueles que desejam escrever e publicar um livro eu incentivo a ir em frente e realizar esse sonho. Acho que tem espaço para muitos escritores e este país precisa de mais cultura e, principalmente, de literatura. Não deixe a primeira dificuldade ou desânimo te alcançar.

DL: Para quem você indica "Pobre não tem sorte"?
LR: Para todos que querem relaxar, se divertir e rir um pouco. PNTS é um livro leve e gostoso de ser lido. Há quem o devore em uma manhã de sol na praia.


Twitter: @LeilaRego





É com empolgação que anuncio a primeira promoção do DL, em parceria com a Leila. Aposto que vc gostou do livro resenhado acima e ficou com vontade de lê-lo. Que tal ganhar um exemplar autografado? É simples!


1. Preencha esse formulário.

2. Vale ressaltar que o(a) ganhador(a) cobrirá os custos de frete, já que infelizmente estou super-hiper-mega falida.

3. Pessoas de qualquer Estado ou até de fora do país podem participar, desde que concordem com o item 2.

4. O vencedor será anunciado aqui mesmo no dia 04/5! Depois da divulgação do resultado, enviarei o livro ao vencedor em até 30 dias.

Leu as regrinhas aí em cima? Concorda com tudo? Então participe e boa sorte!

18 comentários:

Nossos Romances disse...

Lindo post! E parabéns pela promoção! Eu já tenho o meu exemplar bonitinho na estante! Amei o livro!!!

Beijossss
Lili

Fernanda disse...

Amei o post... e também amei o livro, estou ansiosa pela continuação.. ;)

Bjs!

Enderson disse...

Paulinha sempre competente nas resenhas e entrevistas! Saudades do nosso post, e tudo de bom pra vc e pra Leila! Bjo!

Dominique disse...

Adorei a resenha. Esse livro está nos meus desejados e inclusive, em vias de compra. hehehehe! Adoro um bom chick lit. ;)

Bjjs!

Clara disse...

Muito boa a resenha, e já me estou participando do sorteio. e bela entrevista!!beijo paulinha!!

Lariane disse...

Adorei... já tô dentro!

Julianna Steffens disse...

O livro é maravilhoso, a Leila é uma querida.. e eu sempre amo suas entrevistas =o**
Boa semana querida ^^

karinfleur disse...

Eu quero participar do sorteio!!

carine de araujo lima
carinezml@hotmail.com
Macaé-RJ

Nanda disse...

Ei Paula,

Eu não vou entrar na promoção pq já tenho o livro, parabéns pela primeira promo ;)

Ahhh eu amei este livro, me diverti horrores e adorei a protagonista mesmo ela sendo super sem noção rs

bjoo

Lia disse...

Oi, Paula
Acabei de ler esse livro, que ganhei em um sorteio, por isso não vou participar do seu. Adorei a entrevista, parabéns.

Luana Farias disse...

Achei o livro legal, e a entrevista com a autora foi mara.

bjs

Maristela G Rezende disse...

Eu ainda não li esse livro. Espero ganhá-lo. Estou divulgando também:

http://so-promocoes-e-sorteios.arteblog.com.br/252644/Sorteio-no-Diario-de-Leitura/

Bárbara Garcia disse...

Que chique Paulinha! O diário de leituras está cada vez melhor; já estou participando do sorteio :D

Beijos.

Meu cantinho disse...

Como não me identificar com um livro que tem como protagonista uma mulher chamada Mariana? haha
Adorei a resenha e a entrevista! Claro que estou participando da promoção. =)
Beijos,
Mari
www.rosas.nadiapag.com

Ana Paula disse...

Olá! Parabéns pelo blog e pelos posts. Esse livro está na minha lista!! ;) Dá uma passadinha no meu blog também.

Bju

Luka disse...

A Leila é uma fofa !
Adorei ler Pobre Não Tem Sorte !
Beijos.
Luka.

Angélica disse...

Legal! Vou participar!! Bjs!

lilitis disse...

Participando

lilian Hatori Colella

Postar um comentário

 

Copyright © 2009 . Designed by csstemplatesmarket

Converted to Blogger by BloggerThemes.Net Distributed by Blogger Templates